Primeiro dia da implementação do IVA, a Direção dos Impostos diz que o novo imposto está sujeito a alterações e alerta para a especulação de preços

© Image Copyrights TVS
Font size:
Print

O Imposto sobre Valor Acrescentado, IVA, entrou em vigor e a Direção dos Impostos faz um balanço positivo sobre os preparativos da aplicação da nova medida. Em entrevista a TVS, o director dos Impostos, Mário Sousa, reconhece que esse imposto está sujeito a alterações para responder as necessidades do mercado e alerta para a especulação de preços.
Um de Junho foi o dia estipulado para a entrada em vigor do IVA, data em que algumas firmas comerciais começaram a cobrar esse imposto aos clientes. Mas, Mário Sosa, garante que ontem foi o dia para se conhecer juntos dos operadores comerciais se estavam aptos para se iniciar as cobranças a partir desta sexta-feira, dois de junho.
Alguns operadores comerciais garantem que ainda não estão em condições de aplicar novos preços nos produtos disponíveis nas suas firmas e justificam o facto com problemas informáticos.
O director dos Impostos sublinhou que alguns operadores comerciais estão a aproveitar a aplicação do IVA para especular nos preços dos produtos, sublinhando, por isso, que o governo vai recorrer às entidades judiciais e de fiscalização para punir os infractores.

Comentário